sexta-feira, dezembro 16, 2005

Deleito-me..



... e nunca me canso de olhar. Será que me refugio na contemplação desta árvore? Pode ser isso ou outra coisa... É verdade que gosto muito desta árvore. Mas também gosto muito de outras. Mas a Ginkgo é singularmente bela. E as bonitas folhas bilobadas vão parar invariavelmente no meio das folhas dos meus livros.
No Outono, apanho sempre as suas sementes, ponho-as num tabuleiro com terra húmida, e corro para elas todas as manhãs, mal acordo, durante meses. Fico contente, como uma criança, quando brotam daquelas sementes, semelhantes a frutos carnudos, as primeiras folhas.
Associo a Ginkgo a uma viagem a Weimar que nunca esquecerei. A minha vida é uma mão cheia de recordações de viagens. Nessa viagem, esta árvore entrou na minha vida e hoje faz parte dela; está presente nas minhas leituras, nos meus passeios, nas minhas fotografias e até nos meus raros trabalhos manuais. Enfim, passou a fazer parte dos meus interesses. A minha vida é uma mão cheia de recordações de viagens.
Curiosamente, eu que, raramente, vejo televisão, vi hoje, por acaso, um programa interessantissimo sobre viagens, em que o viajante era o Miguel de Sousa Tavares. Deliciou-me com os registos das viagens que fez. Desde as fotografias, passando pelos filmes, mas, curiosamente, até o que mais me tocou foi o discurso e a emoção do viajante, as suas preferências e as razões das preferências. Que vontade que me deixou de voltar a fazer a mala e partir!
(Ginkgo-Biloba, Jardim da Estrela)


Posted by Picasa

1 comentário:

Mendes Ferreira disse...

depois de me "deleitar" aqui, venho deixar um beijo de feliz natal....até breve.