segunda-feira, janeiro 16, 2006

Voltei do mar...



Sim, voltei do mar, contente! O mar hoje estava numa de briga. Batia-se fortemente contra o farol, recuava sempre para atacar de novo o alvo da sua ira. E este movimento de vai-vém era insistente e assustador! Ao recuar, arrastava consigo os meus pensamentos... e eu deixei-me envolver nesta briga entre mar e farol, expectante de ver quem levava a melhor, até perceber que o mar me tinha despojado de todos os meus pensamentos. Uma gaivota gritou, testemunha também deste mar desvairado, e trouxe-me de novo à realidade. Despojada, assim, de tudo ou de nada, recuei para regressar ao mundo...

2 comentários:

hfm disse...

O mar é assim - inteiro, único.

relampago disse...

e mar anda todo inteiro à tua volta...

beijo marítimo.